Central de Atendimento: 0800.772.6995
Empresa

Tecnologia e Desenvolvimento
Buscando maior agilidade, qualidade e dinamismo em suas práticas, a CEMIRIM realiza maciços investimentos em tecnologia e infraestrutura, visando a modernização de suas redes, a excelência nos serviços prestados e o atendimento as exigências da ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica).

Os colaboradores da Cooperativa passam constantemente por treinamentos, cursos e reciclagens para que possam prestar o melhor serviço e operar novos equipamentos.

Participação e Transparência
Os cooperados, que fazem com que a CEMIRIM continue em constante desenvolvimento, são tratados com a devida importância pela diretoria da Cooperativa, por meio da prestação de contas em assembléias e do website que aborda os principais acontecimentos da CEMIRIM e dos segmentos agrícola e energético.

É assim que a CEMIRIM se mantém no curso do progresso: aceitando e superando novos desafios, perseguindo metas cada vez mais ambiciosas e acreditando que, não existe impossível para uma organização que tem profissionais capacitados e motivados, unidos em torno de um objetivo comum. Além disso, as decisões importantes só são tomadas depois de avaliadas pelos conselhos Administrativo e Fiscal de representantes, eleitos pelos próprios cooperados de forma democrática.

Área de Cobertura
Com uma potência instalada que ultrapassa 139 MVA, a Cooperativa presta serviços em 13 municípios paulistas: Aguaí, Artur Nogueira, Conchal, Cosmópolis, Engenheiro Coelho, Espírito Santo do Pinhal, Estiva Gerbi, Holambra, Itapira, Jaguariúna, Mogi Guaçu, Mogi Mirim e Santo Antônio de Posse.

Quase metade da energia distribuída destina-se ao uso rural, enquanto o uso industrial típico ou de agronegócios, detém 27% de todo o consumo.

Municípios atendidos: 13
Extensão da rede (média tensão): 1.074 km
Extensão da rede (baixa tensão): 215 km
Potência instalada: 139.187 kVA
Quantidade de postes: 18.231
Nº de unidades consumidoras: 12.631

Histórico
O setor elétrico brasileiro, no início dos anos 60, não era capaz de atender as necessidades rurais. Em muitas regiões, mesmo no Estado de São Paulo, não existia fornecimento de energia elétrica para as localidades excluídas do perímetro urbano, o que dificultava o desenvolvimento e a realização dos trabalhos agrícolas.

Embora já existissem redes de concessionárias distribuindo energia urbana e industrial, havia total desinteresse por parte delas no abastecimento das regiões rurais regionais, devido ao seu baixo potencial de consumo e ao alto custo para instalar e manter linhas, subestações e transformadores.

Porém, a vontade de encontrar solução por parte dos agricultores da região mogiana era maior do que qualquer dificuldade e, em 28 de setembro de 1963, nascia a CEMIRIM (Cooperativa de Eletrificação e Desenvolvimento da Região de Mogi Mirim).

Os pioneiros construíram, cooperadamente, suas primeiras redes, transformando a história da região e transmitindo possibilidades e recursos que rechearam de sucesso um trabalho que com mais de 45 anos de desenvolvimento.

Hoje, a Cooperativa conta com uma potência instalada superior a 139 MVA, atendendo a mais de 11.047 consumidores, distribuídos em 13 municípios paulistas. Estes números colocam a CEMIRIM como a Cooperativa de Eletrificação Paulista que atende o maior número de cidades e como a segunda em extensão territorial, com 1.074 km de rede.